Não que a furg obrigue, mas todo o lugar exige esse tipo de normas para publicação.. tem professor que parece ler de nariz torto o trabalho só pelo fato de ainda não estar devidamente formatado de acorco com a ABNT. Um saco.

Mas não me importo muito com isso, não. E o rumo da pesquisa não vai ser o da poesia. A Elena já vem estudando a obra poetica da Nela Rio, de um jeito bem bacana. Eu quis estudar a contística – que está publicada em revistas literárias, alguns trabalhos no livro El espacio de la luz, que falei em post anterior – porque prefiro narrativa. Só por isso.

Daí que, um dos passos da pesquisa é reunir e organizar os textos em forma livro (baita pretenção, mas não acredito em pesquisa que não parta da ousadia, de alguma maneira). E é nítida a relação entre a poesia e os contos… tanto no aspecto formal, quanto no temático. sei lá. São olhares.

É óbvio que não vai cair no teu gosto. Assim como talvez não me agrade, imediatamente, a estética medieval. E é o início de investigação, que vai resultar em uma leitura ou várias…
Vamos esperar… 🙂

Anúncios